sobre a floresta

ALBERTO CARNEIRO – Coronado, 1937
Vive e trabalha no Coronado
“Sobre a floresta”, 2012

33 elementos verticais em granito e bronze. 33 pedras graníticas com palavras gravadas
Altura dos elementos verticais 350cm Diâmetro de inclusão das peças aprox.600cm
 
O artista trabalha temas, cujos modelos se encontram enraizados em ancestrais soluções de representação, quer do Ocidente quer do Oriente. O modo como escolhe e usa os materiais, como define e articula as formas contribui para a profundidade dessa relação entre natureza, cultura, pensamento e acção. Nesta peça, retoma uma das figuras mais recorrentes e simbólicas da sua obra, a mandala, onde todos os elementos são dispostos simetricamente em raios e circunferências concêntricas, discursando sobre as realidades básicas do mundo, que se inscrevem nas pedras graníticas em palavras e aforismos, como arte, vida, água, ar, fogo e terra ou se erguem colunas encimadas por galhos ou ramos. Os pontos cardiais, norte, sul, leste e oeste, compõem o discurso da centralidade da peça, transmitindo uma energia universal.