casa no céu

XANA – Lisboa, 1959
Vive e trabalha em Lagos

Casa no céu
Caixas plásticas industriais 657cmx900cmx640cm

O artista trabalha temas e formas que usam as estratégias da sociedade de consumo e da linguagem popular para exaltar os valores lúdicos da produção industrial ou para questionar a sua banalização. Para isso, usa objectos de produção maciça realizados em materiais baratos que se afirmam pelo excesso de cor. O jogo é de permanente leveza mas também de insistente sentido crítico e intelectual.

Nesta peça um inesperado objecto torna-se material escultórico: caixas de armazenamento industrial passam fazer as vezes de tijolos e é com eles que o artista constrói uma casa pré-fabricada. Por um lado, pode ser maqueta ou modelo utópico de uma solução para habitações baratas, por outro, inserida num jardim público, passa a fazer parte, de um projecto de divertimento sem que as preocupações sociais necessitem já de ser explicitadas.